sexta, 24 de novembro de 2017

Menos será mais no Cannes Lions 2018

Festival terá somente cinco dias, menos seminários e limites de seis Leões por peça, além de completa reestruturação de categorias

Foram cerca de três anos de muitas conversas, consultas ao mercado, avaliações e também um bocado de pressão do mercado mundial de publicidade que levaram a organização do Cannes Lions a reestruturar completamente o evento para o ano que vem, que será realizado entre 18 e 22 de junho.

Em entrevista coletiva nesta segunda-feira (13), o diretor geral do Cannes Lions, José Papa Neto, e o CEO da Ascential Events, Philip Thomas, apresentaram as novidades do evento que têm como objetivo torná-lo mais acessível, mais conciso, mais objetivo e possivelmente mais valorizado pelas empresas e profissionais participantes.

O festival passa a ser realizado em apenas cinco dias, e as sessões de premiações e algumas palestras serão acessíveis, gratuitamente, via streaming, e inclusive em um cinema montado na praia. Isso tornará o acesso menos penoso aos milhares de delegados que se acotovelam para participar dos eventos. Tanto seminários como trabalhos inscritos passam a estar organizados sob um novo guarda-chuva de áreas: Reach, Comms, Craft, Experience, Innovation, Impact, Good, Entertainment, e Health.

Ao todo 120 sub-categorias foram extintas. Os Leões Cyber, Integrated e Promo + Activation também desaparecem dando lugar a novidades como Brand Experience + Activation Lions, Creative e-Commerce Lions e Digital Social & Influencer Lions. “Cada um desses novos Leões reflete os desafios contemporâneos do marketing criativo”, disse Papa Neto.

GP’s passam a valer mais: de 10 pontos, passam para 30. E cada peça poderá conquistar um máximo de seis (6) Leões. A ideia é aumentar a dificuldade de ganhar em Cannes, pois a distribuição farta de estatuetas vem se tornando polêmica nos últimos anos.

Trabalhos de cunho social serão julgados separadamente, e entregues separadamente, totalmente destacados dos demais trabalhos. A intenção é valorizar mais os trabalhos que fazem diferença nos negócios das empresas.

Outra novidade para o ano que vem é que qualquer pessoa poderá se candidatar a fazer palestras ou workshops no Cannes Lions: basta se inscrever. Isso abrirá para uma diversidade maior de temas.

Para estimular a participação no festival, toda agência ou empresa que inscrever acima de 15 peças ganhará a inscrição de um delegado Young no festival: ao todo dessas 656 inscrições gratuitas serão dadas. Uma parceria com a Prefeitura de Cannes permitirá que o streaming do festival ocorra em diversos locais pela cidade, e um pacote de descontos em restaurantes e hotéis está programado para a semana do festival, o que inclui menus especiais em restaurantes, wifi gratuito na orla de Cannes, preço fixo de taxi do aeroporto para os hotéis da cidade, entre outras novidades para reduzir os custos de quem passa a semana na cidade – que é uma das mais caras do mundo. Reduzir de oito para cinco dias a semana do Festival também faz parte da estratégia de redução de custos gerais para delegados.

Os altos custos levaram grandes grupos a questionar e rever seus planos de inscrições, como o Publicis, por exemplo, que no ano que vem terá seu “ano sabático” em premiações como Cannes.

Fonte: Propmark

ABA NAS REDES SOCIAIS

Revistas

Confira as outras edições aqui!